9.3.11

Like mother, like daughter




Quando era pequena delirava com o carnaval e lembro-me da excitação que eram os preparativos e a antecipação do dia.
Uma das minhas máscaras preferidas de sempre foi a de Pippi das meias altas e a cereja no topo do bolo foram umas socas vermelhas que uma prima que vivia em Londres me trouxe de presente.
Sim, acho que foi aí que o gene sapatólico começou a vir ao de cima.

Com o passar dos anos, fui deixando de achar graça, de ter paciência, até porque o espírito carnavalesco se foi transformando numa coisa importada, com tradições a instalarem-se que não têm sequer a ver com o facto de estar um frio de rachar o que transforma, frequentemente, a coisa num espectáculo deprimente.
Ora, este ano, revi-me na Alice (quem sai aos seus...) que, mal se apercebeu da proximidade do carnaval, começou a planear que queria mascarar-se de princesa, com uns sapatinhos e uma tiara. Eu até já lhe tinha prometido que a deixava pintar as unhas nessa altura (tanto que insistiu!), mas quando ouvi a palavra tiara pensei que a miúda tem mesmo uma costela pirosa arreigada e como é que eu lhe ia dar a volta?
Até que caí em mim e percebi que eu, há 30 anos atrás era exactamente igual (se bem que um bocado mais maria-rapaz, que a miúda é mais feminina que eu sei lá!) e isso não fez de mim uma "vamp".
Vai daí, vestiu-se mesmo de princesa com um fato que era das primas e com uma tiara, que dentro do espectro tiaresco até é gira porque é colorida, e lá foi ao desfile da escola toda contente com as suas unhas cor-de-rosa.
Ontem, estava frio e ela constipada e combinámos que em vez de vestir novamente o fato de princesa, e até porque íamos ter que ficar em casa, lhe pintava as unhas outra vez e que lhe fazia um penteado especial e que, tcharan!, a pintava com as cores que ela quisesse. Ela quis que eu me pintasse também.
E foi uma festa!

---

When i was a little girl i loved the carnival and i remember the excitement of planning and anticipating the day.
One of my all-time favorite masks was
Pippi Longstocking and the cherry on the top of the cake was a pair of red clogs that a cousin, who lived in London, brought me as a present.
Yes, i think that's when my shoeholic gene began to well up.
Over the years i was no longer amused nor had patience to party, because the spirit of carnival was transformed into something imported, with traditions that don't even have to do with the fact that it's very cold, which often ends up in a totally poor and depressing show.
But this year, i reviewed myself in Alice (just like me at her age) that when noticed the proximity of the carnival began planning that she would dress as a princess, with princess shoes and a tiara. I had promised her that i would let her paint her nails (as she insisted for so long), but when i heard the word tiara i thought the kid had a really corny rooted rib and how was i going to be able to change her mind?
Until i got to my senses and realized that, 30 years ago i was exactly the same (a bit more tomboy, the girl is as feminine as a girl can be!) and that didn't turn me into a "vamp" .
So, she really dressed as a princess with a dress that belonged to her cousins and with the tiara, that within the spectrum of tiaras is actually cute because it's very colorful, and there she went to the
school parade, totally happy with her pink nails.
Yesterday, it was cold and she had a cold so we agreed that instead of dressing again as a princess, and because we'd stay at home, we'd instead have her nails painted again and i would give her a special hairdo and that, ratatatata!, she could have a makeup with the colors she wanted. She wanted me to do the same makeup.
And what a party it was!

6 comments:

Virgínia said...

Que bom ver as duas assim :) Beijinho!

xuxudidi said...

Que bom vos ver assim tão sorridente. É contagioso:)

vera said...

tenho uma foto para ti, o teu gorro tem o dom de por-me de bom humor ! :-)

Cláudia said...

Olá! Cada vez mais me convenço que vale a pena lutar contra os males do planeta! Convenço-me sempre que visito sítios como por exemplo o seu! Existem pessoas muito criativas e com muita sensibilidade! Peças muito bonitas. Bom trabalho!

rita said...

obrigada a todas!

Anonymous said...

<3